No Brasil, 85% das pessoas obesas já sofreram gordofobia

Somos destaque nos portais Terra, IG e Agência O Globo

A pesquisa Obesidade e Gordofobia — Percepções 2022, realizada em fevereiro deste ano pela Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (Abeso) e pela Sociedade Brasileira de Metabologia e Endocrinologia (SBEM), aponta que 85,3% das pessoas consideradas obesas já passaram por situações de gordofobia no Brasil. O levantamento entrevistou 3.621 brasileiros de 18 e 82 anos, de ambos os sexos.

De acordo com a Dra. Beatriz Alaga Pini, psicóloga e membro da equipe transdisciplinar do Instituto de Medicina Sallet, os constrangimentos sofridos por pessoas obesas têm relação direta com o estigma social da aparência. Quanto maior o peso, mais recorrentes são os episódios de gordofobia vivenciados. “Infelizmente, este tipo de preconceito se estende desde as pessoas que convivem diretamente com o obeso, até mesmo profissionais da saúde, o que só aumenta o sofrimento e dificulta a busca por um tratamento eficaz da enfermidade.”, comenta a psicóloga.

O episódios de gordofobia acontecem, frequentemente, na própria casa do paciente ou de familiares, estabelecimentos comerciais, rodas de amigos, locais de trabalho e até em consultas médicas. “São os obesos que ainda sentem e sofrem com a falta de informação das pessoas a respeito da obesidade como doença”, diz a Dra. Beatriz.

Leia a reportagem completa aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *