Como não voltar a engordar após uma cirurgia bariátrica

por que e tao dificil perder peso

Lutar contra a obesidade é uma tarefa extremamente desafiadora, uma batalha que muitas vezes não pode ser vencida sozinha. São nesses casos extremos, onde o paciente está muito acima do seu peso saudável, a reeducação alimentar é difícil e os exercícios físicos as vezes não são nem possíveis, que se encaixa a cirurgia bariátrica.

A cirurgia bariátrica é uma intervenção médica onde, uma parte do estômago é “desativada”. Existem vários tipos de cirurgia, e todas elas consistem basicamente em reduzir o tamanho do estômago, e em alguns casos do intestino também, para que a quantidade de alimentos ingeridos seja menor, e o emagrecimento seja possível.

O processo pós-operatório requer um nível maior de atenção e cuidados, envolve um acompanhamento médico constante com uma equipe multidisciplinar onde, nutricionistas, endocrinologistas e psicólogos, orientam o paciente.

Esse acompanhamento é necessário para que o paciente, tenha um bom emagrecimento sem que sua saúde física e mental seja colocada em risco. Já que com a redução da capacidade do estômago, também é reduzida a capacidade de absorção de nutrientes e vitaminas provenientes dos alimentos. O que pode acabar promovendo alguns problemas como fraqueza, queda de cabelo e outros mais graves.

Além disso, a perda de peso acelerada costuma mexer muito com o emocional dos pacientes operados. As pessoas que se submetem a esse procedimento eliminam a maior parte do seu peso excessivo. E seus cérebros algumas vezes demoram a entender que eles estão agora com um corpo mais magro e precisam adotar novos hábitos.

E esse é um dos principais motivos pelo qual muitos pacientes voltam a ganhar peso. O emagrecimento promovido pela cirurgia bariátrica é muito intenso e rápido, mas é fundamental que fique claro para o paciente que esse procedimento é apenas uma chance para que ele perca peso e possa adquirir novos hábitos mais saudáveis, tanto alimentares como físicos, e assim superar a obesidade.

Como nao voltar a engordar depois cirurgia bariatrica

Como evitar o reganho de peso após a cirurgia bariátrica?

Aparentemente essa é uma tarefa simples, mas que precisa ser levada com muita seriedade, do contrário, não existirão resultados positivos. Para que seja possível manter um peso saudável depois da cirurgia bariátrica é fundamental que se mantenha o acompanhamento médico, e criem-se melhores hábitos.

Os pacientes depois que são “liberados” pela nutricionista, entendem que podem voltar a se alimentar como antes, da mesma maneira que os levaram a um quadro sério de obesidade. É preciso entender que a cirurgia bariátrica não é um milagre, ela não permitirá que você coma o que quiser e não engorde.

Mesmo comendo em menor quantidade, nesta fase os pacientes tendem a ingerir alimentos muito calóricos e de baixa nutrição como sorvetes, doces, frituras, etc. Logo, é preciso manter uma alimentação regrada e saudável.

Outro passo importante para evitar o reganho de peso após a cirurgia bariátrica é a prática de atividades físicas. Os exercícios além de serem importantes no processo de eliminação de peso, são fundamentais para a manutenção dele.

Com uma capacidade de armazenamento menor no estômago, os pacientes tendem a começar a beliscar os alimentos, e fazem isso durante todo o dia. De maneira errada, com intervalos inadequados e alimentos que não são saudáveis. Evitar o hábito de beliscar é preciso.

Alguns pacientes, por falta de acompanhamento médico muitas vezes, acabam desenvolvendo transtornos alimentares. Desencadeados por depressão e ansiedade, por exemplo.

Como nao voltar a engordar depois cirurgia bariatrica 2

O que faz com que a bariátrica não alcance o resultado com alguns pacientes?

O fator principal para pacientes nestas situações costuma ser o quadro psiquiátrico do paciente. Quando esses não são bem avaliados no período pré-operatório, principalmente, não recebendo um diagnóstico e tratamentos mais precisos, eles tendem a não obter bons resultados em relação à perda de peso, e manutenção dessa perda.

É importante que a obesidade seja tratada como uma doença, pois, é disso que ela se trata. Por isso, um acompanhamento psiquiátrico pré e pós-operatório, inclusive com o uso de medicamentos, se necessário, é importante.

 

Quer saber mais sobre Cirurgias de Redução de Estômago? Clique aqui e baixe o nosso [eBook] : Cirurgias de Redução de Estômago – O que são e quais as indicações

 

Outro fator importante no pós-operatório da cirurgia bariátrica

Outro ponto importante que deve ser considerado após a cirurgia bariátrica é a suplementação alimentar. O rápido processo de emagrecimento após a cirurgia gera um grande déficit de nutrientes e vitaminas.

Isso acontece porque, a maior parte da absorção dessas substâncias ocorre no intestino, e em alguns casos cirúrgicos, uma parte do intestino também é inutilizada. Por isso, é fundamental que exista uma suplementação alimentar onde vitaminas, minerais e diversos outros nutrientes sejam ingeridos através de cápsulas. Essa suplementação ajuda a evitar a fome excessiva, promovida pelo organismo pelo déficit desses nutrientes. Além de manter a saúde em dia.

Todos esses fatores levam a ter a certeza de que, poder contar com uma boa equipe médica multidisciplinar, tanto no pré-operatório da cirurgia bariátrica como nos pós é o caminho mais assertivo para se obter bons resultados. Tanto na cirurgia como na perda de peso e na manutenção dos quilos eliminados.

Por isso, antes de tomar a decisão de realizar a cirurgia, pesquise bem os locais onde todo esse tratamento e acompanhamento é possível e tenha certeza de estar cercado de profissionais realmente competentes e dedicados. Pois, o fator principal para evitar o reganho de peso após uma cirurgia bariátrica é o comprometimento com os novos hábitos por parte do paciente, e a competência da equipe médica que o acompanha.

Leia também: A importância da abordagem multidisciplinar no tratamento da obesidade e doenças metabólicas.

Gostou desse artigo? Compartilhe com outras pessoas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *